O Rio de Ouro

Era uma vez dois aldeões muito pobres, mas que eram muito generosos e bondosos.

Numa certa noite, os dois aldeões ouviram um pedido de ajuda, que esvoaçava no vento como um fantasma.

Os aldeões acordaram rapidamente e atenderam o pedido de ajuda.

Eles saíram de casa e seguiram o pedido até que que chegaram ao rio, que estava coberto por pepitas de ouro e meteram-nas dentro de um saco.

Mas elas atravessavam o saco!

Eles resolveram seguir o o ouro para ver de onde é que aquilo vinha.

Então, eles encontraram uma montanha com uma bela cascata coberta de ouro. Mas o problema é que lá estava uma cabra da montanha irritada que estava a correr na direção dos aldeões.

Um deles fez a sua imitação de lobo que a assustou, fazendo-a recuar.

Mas a cabra da montanha fingiu que estava com medo e chamou as suas amigas.

As cabras da montanha escutaram um cão, que salvou a vida dos aldeões.

Eles continuaram com o seu novo amigo a ver de onde vinha ouro.

Até que eles chegaram a nascente do rio e viram um hipopótamo e descobriram que o ouro eram as lágrimas dele.

Eles libertaram o novo amigo, e viveram felizes para sempre.


Foto de MD.Asif Mahbub: https://www.pexels.com/pt-br/foto/praia-litoral-alvorecer-amanhecer-13690458/